O Castro S. João das Arribas. Achegas para uma storia das Arribas. Parte I

##plugins.themes.bootstrap3.article.main##

Pedro Pereira
Mónica Salgado

Resumo

As Arribas do Douro é uma das zonas dos mais espetaculares ao nível visual do Vale do Douro. O rio, que em Espanha atravessa um amplo território, algo tímido, atravessa montanhas, num caudal reduzido, mas imponente na sua monumentalidade. As falésias das arribas do Douro despoletam-nos um imaginário fabuloso, impresso na escrita de autores como Trindade Coelho, Guerra Junqueiro ou António Mourinho. No entanto, pouco sabemos sobre as gentes que aqui habitaram antes da construção do Castelo de Miranda, algures no século XI. O Projecto de Investigação sobre o Castro S. João das Arribas tem como objectivo principal desvendar algumas das histórias, através de campanhas de escavações arqueológicas e recolhas de depoimentos orais sobre o território de Miranda do Douro e, mais especificamente, de Aldeia Nova

##plugins.themes.bootstrap3.article.details##

Como Citar
Pereira, Pedro, e Mónica Salgado. «O Castro S. João Das Arribas. Achegas Para Uma Storia Das Arribas. Parte I». Revista Memória Rural 1, no. 1 (Novembro 24, 2018): 165-173. Acedido Setembro 22, 2020. https://museudamemoriarural.pt/revistamemoriarural/index.php/revista/article/view/25.
Secção
Artigos da revista nº 1
Biografias Autor

Pedro Pereira, Centro de Investigação Transdisciplinar Cultura, Espaço e Memória (FLUP/FCT)

Doutorado em História, Arqueologia e Línguas Antigas pela Université Lumière Lyon II. Arqueólogo e Investigador associado do Centro de Investigação Transdisciplinar Cultura, Espaço e Memória (FLUP/FCT).

Mónica Salgado, Câmara Municipal de Miranda do Douro

Licenciada em Arqueologia pela Faculdade de Letras da Universidade do Minho. Arqueóloga da Câmara Municipal de Miranda do Douro.