Ribeiro de Moinhos (Felgar e Souto da Velha). Contributo para a memória de uma realidade desaparecida

##plugins.themes.bootstrap3.article.main##

André Rolo
Sara Oliveira

Resumo

Submerso na maior parte do seu curso pela albufeira do Empreendimento Hidroeléctrico do Baixo Sabor3, o Ribeiro de Moinhos constituiu um dos mais importantes pólos moageiros de Trás-os-Montes Oriental. O quotidiano neste ribeiro era de tal modo vivo, em grande parte devido à existência de cerca de 40 engenhos hidráulicos para moagem e pisoagem têxtil, que para seu correcto funcionamento era necessária uma gestão colectiva do recurso hídrico humanizando aquela paisagem

##plugins.themes.bootstrap3.article.details##

Como Citar
Rolo, André, e Sara Oliveira. «Ribeiro De Moinhos (Felgar E Souto Da Velha). Contributo Para a memória De Uma Realidade Desaparecida». Revista Memória Rural 1, no. 1 (Novembro 24, 2018): 219-231. Acedido Fevereiro 19, 2020. https://museudamemoriarural.pt/revistamemoriarural/index.php/revista/article/view/29.
Secção
Artigos da revista nº 1
Biografias Autor

André Rolo, Investigador Independente

. Arqueólogo (FLUP) e Fotógrafo (IPF-Porto). Foi Arqueólogo Responsável na Equipa de Património Edificado e Etnográfico do Aproveitamento Hidroeléctrico do Baixo-Sabor. Colaborou na elaboração da “Rota do Carril Mourisco”, no Nordeste Transmontano, para a DRCN, exercendo actualmente a actividade de Fotógrafo colaborador da agência de fotografia Global Imagens.

Sara Oliveira, Investigadora Independente

Arqueóloga (FLUP). Licenciada pela Universidade do Porto em 2008, exerceu brevemente funções no Solar Condes de Resende em Canelas, Vila Nova de Gaia. Integrou a partir de 2009 a Equipa de Património Edificado e Etnográfico do Aproveitamento Hidro eléctrico do Baixo-Sabor como Arqueóloga Responsável. Colaborou ainda na elaboração da “Rota do Carril Mourisco”, no Nordeste Transmontano, para a DRCN. É actualmente docente na Universidade Douro Cultura da Foz